Atendimento
(11) 4993-5400
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

APRESENTAÇÃO

A Terapia Ocupacional é uma profissão de nível superior, que atua nas esferas do “fazer humano”. Pensar a terapia ocupacional é refletir sobre o fazer cotidiano e sobre o significado que a ocupação tem para o indivíduo a fim de ajudá-lo a repensar e, às vezes, até reconstruir esse significado diante de suas capacidades e habilidades para realizar suas ações cotidianas.
 
Pioneiro na região, o Curso de Terapia Ocupacional da Faculdade de Medicina do ABC foi reconhecido pelo Conselho Estadual de Educação em 2008.
 
O currículo do curso é pautado na formação generalista, humanista, crítica e reflexiva, de modo a capacitar o egresso ao exercício profissional em todas as suas dimensões.
 

ESTRUTURA CURRICULAR

Para a estruturação do CTO-FMABC, foram consideradas as recomendações contidas nas Diretrizes Curriculares Nacionais vigentes, além de experiência acumulada pelos docentes do curso, procurando incorporar os avanços científicos, tecnológicos e educacionais a fim de garantir a formação de profissionais qualificados para atuar em consonância com as políticas de atenção saúde atuais.
 
A fim de garantir o desenvolvimento das habilidades e competências necessárias à prática profissional, durante a formação, o curso está organizado da seguinte maneira:
 
No 1º ano, são desenvolvidas disciplinas da área básica, bem como disciplinas específicas da Terapia Ocupacional. A partir do 2º ano, além das aulas teórico-práticas, desenvolvem-se as atividades práticas específicas do Curso de Terapia Ocupacional da FMABC, com complexidade crescente, desde prática assistida (estágio de observação) até o estágio supervisionado que ocorre no 4º ano.
 
Durante a formação, o aluno do CTO-FMABC aprende realizar análise de atividade para que, a partir dessa análise, ele possa compreender as formas de participação do sujeito e então treinar e/ou adaptar as atividades de vida diária, de trabalho e lazer.
 

ESTÁGIOS E PRÁTICA CLÍNICA

Por trabalhar com turmas reduzidas, a FMABC garante alta qualidade de ensino teórico em aula e supervisão direta dos professores nos aprendizados práticos. O CTO-FMABC proporciona, desde o início, possibilidade de visitas em serviços de terapia ocupacional e estágio de observação (práticas assistidas), garantindo assim locais para realização dos estágios supervisionados no 4º ano.
O estágio busca integração teoria e prática, na habilitação das práticas intervencionistas do futuro profissional. O mesmo é realizado em diversas áreas e campo de atuação do profissional terapeuta ocupacional, os graduandos são diretamente supervisionados por docentes da Faculdade de Medicina do ABC, titulados e com experiência prática.
 
O Curso de Terapia Ocupacional da FMABC utiliza o máximo das instituições existentes na região, vinculadas à mantenedora (Fundação do ABC) ou conveniadas, abrangendo ambulatórios de especialidades da faculdade, hospitais e centros de atendimento à comunidade, desde que atendam aos requisitos do perfil do terapeuta ocupacional que pretende formar.
 
A carga de estágio supervisionado curricular é de 800 horas aulas, distribuídas em: Estágio Supervisionado em Reabilitação Física; Estágio Supervisionado em Saúde Mental e Estágio Supervisionado – Outras Áreas I e II.
 

ENADE

Os alunos do Curso de Terapia Ocupacional participaram do ENADE em 2007 e 2010. Em 2007, apenas os alunos ingressantes que realizaram a prova e em 2010, participaram do ENADE os alunos ingressantes, que foram inscritos e não realizaram a prova e os concluintes do curso que participaram da prova. O curso obteve nota 3,0 (Conceito ENADE e CPC).

Curso de Terapia Ocupacional - FMABC

INDICADORES DE QUALIDADE

Conceito ENADE (2010)

3

Conceito Preliminar do Curso (2010)

3

 

 

Instituição FMABC

 

Índice Geral de Cursos (2010)

4

Índice Geral de Cursos (2013)

5

MERCADO DE TRABALHO

O mercado de trabalho desta profissão é amplo e continua em desenvolvimento. Atualmente as áreas mais conhecidas de inserção da terapia ocupacional são: reabilitação física, saúde mental e saúde do idoso; entretanto, outras áreas de atuação, e que possibilitam também maior visibilidade para o profissional, são saúde do trabalhador/ergonomia, campo social, aprendizagem (inclusão educacional), neonatologia/pediatria, saúde da mulher, oncologia, deficiência visual e auditiva entre outros.
 
Para tanto, os terapeutas ocupacionais têm se inserido em serviços de saúde, como hospitais, Unidades Básicas de Saúde, ambulatórios, clínicas, centros de convivência, centros de reabilitação, empresas, instituições de longa permanência, escolas e creches, etc, assim como em programas desenvolvidos pelo governo e equipes da saúde, como o Programa de Saúde da Família (PSF) e o Sistema Único de Assistência Social (SUAS).
 

DESTAQUE DO CURSO

O Curso de Terapia Ocupacional proporciona aos alunos a participação em projetos institucionais como o Projeto Rondon desenvolvido juntamente com os cursos da instituição, além de elaborar projetos institucionais, como Pró e Pet-Saúde.
 
Inaugurada em 2010, a Oficina AdapTO (Projeto de Confecção de Mobiliário Adaptado em PVC) produz mobiliários de baixo custo que facilitam  a acessibilidade e a reabilitação  de crianças com disfunções neuromotoras.
 
Os alunos do quarto ano passaram a desenvolver parte de suas atividades de estágio nos seguintes ambulatórios da FMABC:  Gastroenterologia, Oncologia Pediátrica e Hebiatria.
 

FIM

Terapia Ocupacional
 Duração: 4 anos
 Carga Horária: 4.000 Horas/Aula
 Turno: Matutino / Noturno
 Mensalidade 2017:                R$ 806,92