Atendimento
(11) 4993-5400
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Últimas Notícias

article thumbnailMedicina ABC e FUNCRAF firmam convênio para atendimento de pacientes com deformidades craniofaciais   Desde o início de outubro, médicos residentes da disciplina de Cirurgia Plástica da Faculdade de Medicina...
Faculdade de Medicina do ABC conduz pesquisas clínicas e possui ambulatório especializado para tratamento de doenças dermatológicas
 
Doença inflamatória da pele, a psoríase é crônica e não contagiosa. Porém, pode ser facilmente confundida com alergias ou outras patologias, uma vez que é caracterizada por lesões avermelhadas e descamativas na pele. Para ajudar especialistas da área médica a identificar os sintomas iniciais de doenças inflamatórias da pele como a psoríase e diversas outras, a Faculdade de Medicina do ABC promoverá dia 28 de outubro, das 8h às 13h, o Encontro Regional do Centro de Referência Dermatológica. O evento acontece no Anfiteatro David Uip, no campus universitário de Santo André (Av. Lauro Gomes, 2.000).
 
O evento é organizado pela disciplina de Dermatologia da FMABC em parceria com o setor de Pesquisa Clínica (CEPES) da unidade. A ideia é reunir o maior número de clínicos gerais e dermatologistas do Grande ABC para discutir a doença e também divulgar o trabalho do Ambulatório de Psoríase da FMABC, que hoje atende e acompanha gratuitamente cerca de 500 pacientes da região.
 
Ao promover o encaminhamento dos casos suspeitos, os médicos das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) contribuirão decisivamente para a indicação da melhor terapia e maior eficácia no tratamento. “Eles precisam saber para onde encaminhar esses pacientes, pois muitos ainda desconhecem nosso serviço e os sintomas. É comum receitarem pomadas e pedirem retorno em seis meses por suspeitarem de alergias. A FMABC é centro de referência especializado no tratamento de doenças dermatológicas, por isso queremos disseminar o conhecimento e estimular o encaminhamento correto dos casos”, explica a pesquisadora clínica da FMABC, Josiane Duarte. Em geral, os pacientes acompanhados no ambulatório também apresentam artrite psoriásica (doença inflamatória das articulações associada à psoríase) e hidradenite supurativa (inflamação cutânea também conhecida como acne inversa).
 
Uma das dificuldades encontradas pelos pacientes é o alto custo das medicações. No ambulatório, os pacientes recebem diagnóstico e tratamento gratuitamente. Pautada nessa questão, a FMABC conduz diversos estudos clínicos com equipe especializada e tecnologia avançada sobre a formulação de novas drogas de custo acessível.
 
Um deles, iniciado em junho e com duração de 32 semanas, testa uma medicação nova em sete pacientes monitorados quinzenalmente pelos especialistas. “Em duas semanas observamos melhora da locomoção, das lesões e do aumento da qualidade de vida”, explica Josiane. A intenção é incluir mais pacientes nos estudos à medida que a eficácia do tratamento seja constatada nos exames clínicos e laboratoriais, a maioria submetida à análise nos Estados Unidos.
 
Interessados em participar do evento devem se inscrever até dia 26 de outubro pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. Informações sobre estudos clínicos em aberto podem ser solicitadas pelo endereço eletrônico Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou telefone (11) 4993-5459.
 
DADOS – A psoríase é cíclica, ou seja, apresenta sintomas que desaparecem e reaparecem periodicamente. Especialistas indicam que sua causa pode estar relacionada ao sistema imunológico, às interações com o meio ambiente e à genética. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, até 40% dos pacientes têm histórico familiar da doença. As lesões, que geralmente surgem no couro cabeludo, joelhos ou cotovelos, têm aparência seca e possuem escamas esbranquiçadas. Atualmente acomete cerca de 1,3% da população brasileira. O Ambulatório de Psoríase da FMABC é coordenado pela Dra. Luiza Keiko Oyafuso e funciona às quartas-feiras, das 7h às 13h, no campus universitário de Santo André.
 
Segue a programação do evento:
 
8h - 8h20: Recepção.
8h20 - 8h30: Abertura (Dr. Carlos D’Apparecida Santos Machado Filho).
8h30 - 9h00: Psoríase (Dra. Ana Paula G. Sanchez).
9h - 9h30: Artrite Psoríase (Dra. Sonia Loduca Lima).
9h30 - 10h: O trato da Judicialização no Estado de São Paulo (Dra. Paula Sue Facundo).
10h - 10h15: Discussão.
10h - 11h: Intervalo.
11h - 11h30: Hidradenite Supurativa (Dra. Maria Cecilia Rivitti).
11h - 12h00: Biossimilar (Dr. Wagner Galvão Cesar).
12h - 12h30: Assistência Farmacêutica e Integralidade do SUS (Dr. Victor Hugo da Rosa).
12h30 - 12h45: Discussão.